Dia 4 – 30 Day Blog Challenge: Minha visão sobre drogas e álcool.

Aproveite compartilhar:

E vamos para o dia 4 do nosso 30 Day Blog Challenge, onde falo sobre minha visão sobre drogas e álcool.

É duro largar um vício, não é?

Você tenta, tenta, diz que dessa vez vai, mas volta pro vício…

Ele é mais forte do que você!

Costumamos culpar nossos vícios quando fazemos coisas que não gostamos.

As vezes acordamos no sábado querendo colocar nosso projeto em andamento…

…mas ficamos sentados assistindo TV, saímos beber ou mesmo gastamos todo nosso dinheiro em jogos.

Existe um jeito de nos livrarmos de nosso vícios?

Existem algumas maneiras, com certeza.

Continue lendo que eu vou te contar uma maneira que funcionou comigo.

Dia 4, 30 Day Blog Challenge, sua visão sobre drogas e álcool.
Fonte: Seja Feliz

30 Day Blog Challenge, Dia 4: Sua visão sobre drogas e álcool.

Eu sei que vícios são desequilíbrios, sejam emocionais, sentimentais, mentais ou mesmo físicos.

Eu já fui viciado em comida, em jogos e em reclamar.

Eu nunca gostei de álcool nem de drogas.

Já bebi pra me sentir aceito, pra não ficar de fora.

Mas, mesmo assim, bebia pouquinho, nunca fiquei bêbado.

Eu não gosto da propaganda feita para o álcool.

Ele é tão ruim quanto, ou mesmo pior que as drogas.

Tem muita gente que adora degustar, experimentar bebidas diversas, que bebe sozinho mesmo, pois gosta disso de verdade.

Mas eu sei que muita gente só bebe para se sentir incluso num grupo.

Que fica bêbado pois seus bloqueios não o deixam ser você mesmo enquanto sóbrio.

Pois era costume sermos ensinados a reprimir nossos sentimentos.

Sermos ensinados a não sermos nós mesmos.

Éramos ensinados a seguir padrões e nada mais.

Mas essa era já terminou, cada vez mais pessoas estão educando seus filhos a serem livres.

A era da censura já acabou, estamos numa era transitória para um tempo de amor e liberdade.

Mesmo que a mídia não queira mostrar isso, só olhar como o mundo já melhorou tanto.

As drogas são um problema similar ao álcool, muita gente usa pois é excluído da sociedade por serem diferentes.

Temos é que aceitar nossos filhos, nosso amigos, como eles são.

Quando você se sente aceito, mesmo sendo diferente, você não sente necessidade de nada mais.

Seja usando drogas, álcool, jogando, fugindo, um vício pode ser reduzido ao aceitarmos as pessoas como elas são, diferentes.

Então, uma maneira de nos livrarmos de vícios é nos aceitando!

Dia 4, 30 Day Blog Challenge, Sua visão sobre drogas e álcool

Como assim, nos aceitando?

Isso mesmo, você precisa se aceitar do jeitinho que você é!

Não é necessário ficar bêbado pra poder se soltar e cantar!

Não é necessário usar nenhuma substância para mostrar que você é doce e gosta de poesia!

Não é necessário esperar aprovação da galera, fingindo ser grosso, enquanto você quer dançar Beyoncé!

Se liberte!

Quanto mais você se aceitar, menos vícios terá!

Pode até parecer que é impossível isso, mas enquanto você achar impossível, será.

Comece mudando seu pensamento, dizendo para si mesmo que você consegue.

Quando nos aceitamos, o mundo muda…

…e como muda… e como muda.

Pra mim foi mágico.

Quando comecei a me aceitar, a gostar de mim mesmo, a fazer as coisas que eu quero sem esperar aprovação.

A fazer as coisas que eu quero sem medo do que os outros irão pensar.

Quando eu me libertei internamente, tudo melhorou.

Muitos vícios sumiram.

Ainda estou no processo em vários pontos, mas já andei muito.

Então, não tenha pressa também.

Olhe um ponto de cada vez e aceite ele.

VOCÊ CONSEGUE!!!

Recapitulando:

  • Eu não uso drogas nem álcool;
  • Sim, eu adoro abraçar árvores e faço isso em público mesmo;
  • Acredito que vícios são falta de aceitação, principalmente a interna;
  • Se aceite!
  • Olhe para um ponto por vez.

Aproveite pra compartilhar esse artigo e comente dizendo seu ponto de vista sobre o assunto.

Grande abraço e até a próxima!


Links para os dias do desafio: